TÓPICO ESPECIAL: ISCARIOTES

Judas tinha ouvido, observado e tido comunhão com o Senhor Jesus num alcance próximo por vários anos, mas aparentemente ele ainda tinha nenhum relacionamento com Ele por fé (cf. Mt 7.21-23). Pedro passou pela mesma intensidade de tentação como Judas, mas com resultados dramaticamente diferentes (cf. Mat. 26.75). Muita discussão tem acontecido sobre os motivos da traição de Judas:

1. foi primordialmente monetário (cf. João 1.26)

2. foi primordialmente político (cf. William Klassen, Judas Betrayer or Friend of Jesus? [Judas Traidor ou Amigo de Jesus?])

3. foi espiritual (cf. Lucas 22.3; João 6.70; 13.2,27)

Sobre o assunto de influência satânica ou possessão demoníaca (veja o Tópico Especial: O Demoníaco no NT) há vários recursos bons (listados na ordem daqueles que eu confio).

1. Merrill F. Unger, Biblical Demonology, Demons in the World Today [Demonologia Bíblica, Demônios no Mnndo Hoje]

2. Clinton E. Arnold, Three Crucial Questions About Spiritual Warfare [Três Questões Cruciais Sobre Guerra Espiritual] de Clinton Antony

3. Kurt Koch, Christian Counseling and Occultism, Demonology Past and Present [Aconselhamento Cristão e o Ocultismo, Demonologia Passado e Presente]

4. C. Fred Dickason, Demon Possession and the Christian [Possessão Demoníaca e o Cristão]

5. John P. Newport, Demons, Demons, Demons [Demônios, Demônios, Demônios]

6. John Warwick Montgomery, Principalities and Powers [Principados e Potestades],

Tenha cuidado com mitos e superstições culturais. Satanás afeta Pedro em Mt 16.23 para tentar Jesus da mesma maneira exata – Sua morte substitutiva. Satanás é consistente. Ele está tentando de qualquer maneira possível para a obra redentiva de Jesus em nosso favor.

1. a tentação de Jesus, Lucas 4

2. usa Pedro

3. usa Judas e o Sinédrio

Jesus até descreve Judas como um diabo em João 6.70. A Bíblia não discute o assunto da possessão e influência demoníaca quando se relaciona aos crentes. Mas, os crentes são obviamente afetados pelas escolhas pessoais e mal pessoal (veja o Tópico Especial: Mal Pessoal)!

A etimologia desta palavra é de algum modo obscuro; no entanto, há várias possibilidades:

1. Kerioth, uma cidade de Judá (cf. Js 15.25)

2. Kartan, uma cidade na Galiléia (cf. Js 21.32)

3. Karōides, uma palmeira de tâmara em Jerusalém ou Jericó

4. scortea, um avental ou uma bolsa de couro (cf. João 13.29)

5. ascara, estrangular (hebraico) de Mt 27.5

6. a faca de um assassino (grego), significando que ele era um Zelote como Simão (cf. Lucas 6.15).





Copyright © 2014 Bible Lessons International