TÓPICO ESPECIAL: O NÚMERO DOZE

 

O doze sempre foi um número simbólico (veja o Tópico Especial: Os Números Simbólicos nas Escrituras) de organização

A. fora da Bíblia

1. doze signos do zodíaco

2. doze meses do ano

B. no AT (BDB 1040 mais 797)

1. os filhos de Jacó (as tribos judaicas)

2. refletido em

a. doze colunas do altar em Êx 24.4

b. doze pedras preciosas no peitoral do sumo sacerdote (que significavam as doze tribos) em Êx 28.21

c. doze pães no lugar santo do tabernáculo em Lv 24.5

d. dozes espias enviados a Canaã em Nm 13 (um de cada tribo)

e. doze varas (estandartes tribais) na rebelião de Coré em Nm 17.2

f. doze pedras de Josué em Js 4.3, 9, 20

g. doze distritos administrativos na administração de Salomão em I Rs 4.7

h. doze pedras do altar de Elias para YHWH em I Rs 18.31

C. no NT

1. doze apóstolos escolhidos

2. doze cestos de pães (um para cada Apóstolo) em Mt 14.20

3. doze tronos em que os discípulos do NT sentam (referentes às 12 tribos de Israel) em Mt 19.28

4. doze legiões de anjos para resgatar Jesus em Mt 26.53

5. o simbolismo de Apocalipse

a. 24 anciãos e 24 tronos em 4.4

b. 144.000 (12x12.000) em 7.4; 14.1, 3

c. doze estrelas na coroa da mulher em 12.1

d. doze portas, doze anjos referindo-se às doze tribos em 21.12

e. doze fundamentos da nova Jerusalém e sobre eles os nomes dos doze Apóstolos em 21.14

f. doze mil estádios quadrados em 21.16 (tamanho da nova cidade, Nova Jerusalém)

g. a muralha é de 144 côvados em 21.17

h. doze portas de pérolas, 21.21

i. árvores na nova Jerusalém com doze tipos de fruto (um para cada mês) em 22.2