TÓPICO ESPECIAL: OS PROBLEMAS E LIMITAÇÕES DA LINGUAGEM HUMANA

 

A. Nossa linguagem é finita, orientada a este planeta, caída, portanto, não exaustiva.

1. antropomorfismo (Deus descrito em termos humanos; veja o Tópico Especial: Deus Descrito como Humano [linguagem antropomórfica])

a. Deus com um corpo humano

(1) caminhando, Gn 3.8; 18.33; Lv 26.12; Dt 23.14

(2) olhos, Gn 6.8; Êx 33.17

(3) homem num trono, Is 6.1; Dn 7.9

b. Deus como feminino

(1) Gn 1.2, Espírito como pássaro fêmea

(2) Gn 17.1 (El Shaddai)

(3) Dt 32.18, Deus como mãe

(4) Êx 19.4, Deus como águia mãe

(5) Is 49.14, 15; 66.9-13 (e possivelmente Os 11.4), Deus como uma mãe que amamenta

c. Deus como defendendo mentir, I Rs 22.19-23

d. Exemplos do NT de "a mão direita de Deus", Lucas 22.69; Atos 7.55, 56; Rm 8.34; Ef 1.20; Cl 3.1; Hb 13.1; 8.1; 10.12; 12.2; I Pe 3.22

2. Títulos humanos usados para descrever a Deus

a. Pastor, Sl 23

b. Pai, Is 63.16; Sl 103.13

c. Goel, Parente remidor, Êx 6.6

d. Amante/esposo, Os 1-3

e. Genitor, pai e mãe, Os 11.3, 4

3. Objetos físicos usados para descrever a Deus

a. Pedra, Salmo 18

b. Fortaleza e rochedo, Salmo 18

c. Escudo, Gn 15.1; Salmo 18

d. Chifre da salvação, Salmo 18

e. Árvore, Os 14.8

B. A linguagem é parte da imagem de Deus na humanidade, mas o pecado afetou todos os aspectos da nossa existência, incluindo a linguagem.

C. Deus é fiel e comunica a nós adequadamente, se não exaustivamente, o conhecimento sobre Si mesmo. Isso está geralmente na forma de negação, analogia ou metáfora.