TÓPICO ESPECIAL : "VERDADE” NOS ESCRITOS DE PAULO

 

O uso de Paulo deste termo e suas formas relacionadas vem do seu equivalente do AT, emet, que é digno de confiança ou fiel (BDB 53; veja o Tópico Especial: Crer, confiar, fé e fidelidade no AT). Nos escritos judaicos interbíblicos era usado em contraste à falsidade. Talvez o paralelo mais próximo seria os "Hinos de Ação de Graças” dos Rolos do Mar Morto, onde era usada para as doutrinas reveladas. Os membros da Comunidade Essênia se tornaram "testemunhas da verdade”.

Paulo usa o termo como uma maneira de se referir ao evangelho de Jesus Cristo.

1. Romanos 1.18, 25; 2.8, 20; 3.7; 15.8

2. I Coríntios 13.6

3. II Coríntios 4.2; 6.7; 11.10; 13.8

4. Gálatas 2.5,14; 5.7

5. Efésios 1.13; 6.14

6. Colossenses 1.5, 6

7. II Tessalonicenses 2.10, 12, 13

8. I Timóteo 2.4; 3.15; 4.3; 6.5

9. II Timóteo 2.15, 18, 25; 3.7, 8; 4.4

10. Tito 1.1, 14

Paulo também usa o termo como uma maneira de expressar seu falar acuradamente

1. Atos 26.25

2. Romanos 9.1

3. II Coríntios 7.14; 12.6

4. Efésios 4.25

5. Filipenses 1.18

6. I Timóteo 2.7

Ele também o usa para descrever seus motivos em I Co 5.8 e estilo de vida (também para todos os cristãos) em Ef 4.24; 5.9; Fp 4.8. Ele às vezes o usa vezes para pessoas.

1. Deus, Rm 3.4 (cf. João 3.33; 17.17)

2. Jesus, Ef 4.21 (similar a João 14.6)

3. testemunhas apostólicas, Tito 1.13

4. Paulo, II Co 6.8

Somente Paulo usa a forma VERBAL (i.e., alētheuō) em Gl 4.16 e Ef 4.15, onde se refere ao evangelho. Para mais estudo, consulte Colin Brown (ed), The New International Dictionary of New Testament Theology [O Novo Dicionário Internacional de Teologia do Novo Testamento], vol. 3, pp. 784-902.